"Para São Josemaria a santidade não é um conceito abstrato"

Foi apresentada recentemente a edição polaca de Caminho, Sulco e Forja. Recolhemos as palavras do Presidente da Conferência Episcopal Polaca, o Arcebispo Stanislaw Gadecki, neste evento.

Notícias

Foi apresentada recentemente a edição polaca de Caminho, Sulco e Forja. Recolhemos as palavras do Presidente da Conferência Episcopal Polaca, o Arcebispo Stanislaw Gadecki, neste evento.

Alegro-me que a editora Adalberto tenha preparado uma nova edição em polaco da trilogia das obras de São Josemaria Escrivá. Tanto Caminho, como Sulco e Forja pertencem aos clássicos da literatura espiritual. Cada um destes três livros foi traduzido em numerosas línguas e encontrou leitores em todos os continentes. É oportuno assinalar que, durante o último século, os Papas têm citado textos dos seus ensinamentos.

Bento XVI escreveu: “a interpretação da Sagrada Escritura ficaria incompleta se não estivesse também à escuta dos que têm vivido realmente a Palavra de Deus, quer dizer, os santos (…).Cada santo é como um raio de luz que sai da Palavra de Deus” (Verbum Domini, n. 48). O Santo Padre enumera depois Santo Inácio de Loyola, São João Bosco e outros santos, e também São Josemaria Escrivá e a sua pregação sobre o chamamento universal à santidade” (ibidem). Não é de estranhar portanto que, na presente edição, as referências a passagens bíblicas tenham sido colocadas nas margens do texto.

O Fundador do Opus Dei redescobriu com especial força a profundidade desta simples, mas surpreendente verdade evangélica: todos os fiéis – não somente os religiosos e sacerdotes – são chamados à perfeição, à plenitude da vida cristã. Para São Josemaria a santidade não é um conceito abstrato. Pelo contrário, deveria ser posto em prática constantemente na vida de cada fiel: no trabalho profissional, na vida familiar, na vida pública.

Uma característica destes livros que compõem esta trilogia é a sua interatividade. A Palavra de Deus ilumina e mobiliza. De forma semelhante, os pequenos pensamentos de São Josemaria movem o leitor, não o deixam indiferente, exigem-lhe uma resposta e realização na vida. Só Deus sabe para quantas pessoas a meditação de Caminho, Sulco e Forja tem sido ocasião de conversão, de estabelecer objetivos vitais mais ambiciosos, de uma entrega total a Deus. Desejo a todos os leitores que encontrem neste livro inspiração para uma vida melhor, mais perto de Deus e dos outros.

D. Stanislaw Gadecki

Arcebispo Metropolita de Poznam

Presidente da Conferência Episcopal Polaca