Etiqueta: Jubileu da Misericórdia

Há 16 resultados para "Jubileu da Misericórdia"
Áudio do Prelado: “Consolar os tristes”

Áudio do Prelado: “Consolar os tristes”

“Consolar não é tarefa fácil - explica D. Javier Echevarría no áudio de setembro - requer muito tato, porque a alma de quem sofre encontra-se, por assim dizer, em carne viva, muito desgostosa. Uma palavra a mais ou a menos pode curar ou pode ferir (...). Aconselho-vos que, para consolar devidamente, peçais ajuda aos anjos da guarda.”

Conferências
Áudio do Prelado: “Perdoar quem nos ofende”

Áudio do Prelado: “Perdoar quem nos ofende”

Dom Javier Echevarría revê a parábola do filho pródigo para refletir sobre o perdão de Deus, que nos mostra como devemos aprender a viver essa obra de misericórdia: «Desejemos vivamente que a decisão de perdoar e de pedir perdão se converta numa atitude habitual em nós, em cada família, entre os amigos».

Conferências
Áudio do Prelado: “Corrigir os que erram”

Áudio do Prelado: “Corrigir os que erram”

D. Javier Echevarría reflete no podcast deste mês sobre a obra de misericórdia “corrigir os que erram”. Comenta a correção fraterna, que “constitui um dever de todos os cristãos. Quando alguém nos faz uma advertência para o nosso bem, temos de ver nisso uma manifestação da misericórdia divina, que emprega instrumentos humanos com o fim de nos guiar pelo caminho do bem”.

Conferências
Áudio do Prelado: sepultar os defuntos

Áudio do Prelado: sepultar os defuntos

“Meus filhos e minhas filhas, amigos e amigas: saber morrer é tão importante como saber viver e em ambos os casos podemos ser ajudados”, diz o Prelado do Opus Dei no podcast desse mês, recomendando também que se facilite a Unção dos doentes.

Conferências
Carta do Prelado (abril de 2016)

Carta do Prelado (abril de 2016)

“Perdoar as ofensas é, de certa forma, a coisa mais divina que os seres humanos podem fazer”, escreve o Prelado na sua carta de abril, na qual dedica um amplo espaço ao perdão.

Cartas pastorais
Carta do Prelado (fevereiro 2016)

Carta do Prelado (fevereiro 2016)

Na sua carta do mês de fevereiro, o Prelado do Opus Dei convida a aproveitar bem o tempo da Quaresma neste ano jubilar e considera uma das obras de misericórdia espirituais: rezar por vivos e defuntos.

Cartas pastorais