O Prelado solicita testemunhos sobre Dora del Hoyo

D. Javier Echevarría publicou um édito no qual solicita a contribuição daqueles que tenham testemunhos significativos ou escritos sobre Dora Del Hoyo, primeira numerária auxiliar do Opus Dei, para sua causa de Canonização.

Notícias
Opus Dei - O Prelado solicita testemunhos sobre Dora del Hoyo Dora del Hoyo.

. Biografia de Dora (1914-2004)

. Oração para a devoção privada

. Cronologia de sua vida

. Iniciativas de serviço doméstico

Na entrada da igreja prelatícia de Santa Maria da Paz (Roma) é exibido o édito de autoria do Prelado do Opus Dei no qual se solicitam testemunhos sobre a vida de Dora Del Hoyo, primeira numerária auxiliar do Opus Dei.

Seus restos mortais repousam na cripta da igreja prelatícia, junto ao servo de Deus D. Álvaro Del Portillo.

A seguir, o édito, cujo original está em italiano :

ÉDITO

D. Javier Echevarria Rodriguez, Prelado, a todos os fieis da Prelazia da Santa Cruz e Opus Dei.

Imediatamente após o falecimento de Dora del Hoyo, no dia 10 de janeiro de 2004, começaram manifestações de sinais claros da sólida e estendida fama de santidade de que gozava a primeira numerária auxiliar do Opus Dei. A partir dessa data, tenho recebido centenas de relatos escritos e assinados, enviados espontaneamente por fiéis da Prelazia que conviveram com Dora e por outras pessoas que a conheceram, que serviram para documentar amplamente sua exemplar vida cristã.

Pelos testemunhos recebidos, sentimo-nos impulsionados a continuar a pesquisa. Após a realização dos passos previstos pelas normas vigentes, cheguei à conclusão de que existem as condições para introduzir a Causa de canonização de Salvadora Del Hoyo Alonso (Dora).

Convido, portanto, a todos os fiéis da Prelazia da Santa Cruz e Opus Dei que tenham notícias úteis em relação à Causa, tanto a favor como contra, assim como escritos de Dora Del Hoyo, ou documentes referentes à sua pessoa e obra, a que as dêem a conhecer com inteira liberdade, permitindo assim que as pesquisas atinjam seu fim e a verdade acabe por ser plenamente esclarecida.

Roma, 11 de outubro de 2011

+ JAVIER ECHEVARRÍA

Mons. Ernst Burkhart

Chanceler da Curia prelatícia