Bento XVI: Sonhai!

“Sede jovens de forte personalidade”, “não tenhais medo de sonhar!”, “o Papa está próximo das famílias separadas por um divórcio”, “há sonhos irrealizáveis se quem os fomenta é Deus?”, “siga a via da humildade!”, “ide contra a corrente”. E os jovens aplaudiram ao Papa.

Papa

500.000 jovens da Itália se reuniram no início de setembro em Loreto para preparar, com Bento XVI, a Jornada Mundial da Juventude que se celebrará no próximo ano na Austrália.

O santuário de Loreto conserva a casa na qual o anjo Gabriel apareceu à Virgem Maria. Por isso, o Para falou aos jovens de valentia, entrega e humildade. Esta é uma seleção de palavras do Papa:

“Quem nos reuniu [em Loreto] foi o Espírito Santo. Sim, é assim: quem vos guiou foi o Espírito Santo; viestes aqui com vossas dúvidas e certezas, com vossas alegrias e vossas preocupações. Agora cabe a vós abrir o coração e oferecer tudo a Deus. Dizei-lhe: “aqui estou; certamente não sou como Tu queres que eu seja, não consigo nem sequer entender-me a mim mesmo profundamente, mas com Tua ajuda estou pronto para seguir-Te. Senhor Jesus, nesta tarde eu queria falar contigo, fazendo minha a atitude interior e o abandono confiado daquela jovem mulher, que faz mais de dois mil anos deu o seu “sim" ao Pai, que a escolhia para ser sua Mãe. O Pai a escolheu porque era dócil e obediente à sua vontade". Como ela, como a pequena Maria, cada um de vós, queridos jovens amigos, digam com fé em Deus: Aqui estou, faça-se em mim o que disseste" (...)".

“Lamentavelmente, hoje, com frequência, uma existência plena e feliz está vista por muitos jovens como um sonho difícil, e às vezes, irrealizável. Tantos de vossos contemporâneos olham para o futuro com apreensão, tendo várias dúvidas. Perguntam-se preocupados: Como se inserir numa sociedade marcada por numerosas e graves injustiças e sofrimentos? Como reagir ao egoísmo e à violência que às vezes parecem prevalecer? Como dar um sentido pleno à vida? Com amor e convicção, repito a vocês, jovens aqui presentes, e através de vocês, a vossos coetâneos no mundo inteiro: Não tenhais medo, Cristo pode satisfazer as aspirações mais íntimas de vosso coração. Pode haver sonhos irrealizáveis quando quem os suscita e os cultiva no coração é o Espírito de Deus? Há algo que pode bloquear nosso entusiasmo se estamos unidos a Cristo? Nada nem ninguém, diria o apóstolo Paulo, poderá nos separar do amor de Deus, em Cristo Jesus, nosso Senhor. (cf Rm 8, 35-39)".

“Deixai que vos repita: cada um de vocês, se permanecer unido a Cristo, poderá cumprir grandes coisas. Por Ele, queridos amigos, não deveis ter medo de sonhar com os olhos abertos grandes projetos de bem, e não deveis deixar-vos desanimar pelas dificuldades. Cristo tem confiança em vós e deseja que possais realizar cada um de vossos mais nobres e altos sonhos de autêntica felicidade. Nada é impossível para quem confia em Deus e se confia a Ele. Olhai para a jovem Maria. O Anjo lhe apresentou algo verdadeiramente inconcebível: participar de modo mais comprometedor possível no mais grandioso dos planos de Deus, a salvação da humanidade. Perante tal proposta Maria ficou turbada, advertindo toda a pequenez de seu ser frente à onipotência de Deus, e se perguntou, como é possível, por que a mim? Disposta no entanto a cumprir a vontade divina pronunciou prontamente seu “sim", que mudou sua vida e a história da humanidade inteira. É graças a seu “sim" que nós nos encontramos aqui nesta tarde.

Mais de 500.000 pessoas foram a Loreto.

“Pergunto-me e pergunto-vos: os pedidos que Deus nos dirige, por mais difíceis que nos possam parecer, poderão igualar àquilo que foi pedido por Deus à jovem Maria? Queridos rapazes e moças: aprendamos de Maria a dizer nosso “sim", porque ela sabe verdadeiramente o que significa responder generosamente aos pedidos do Senhor. Maria, queridos jovens, conhece vossas aspirações mais nobres e profundas. Conhece bem, sobretudo, vosso grande desejo de amor, vossa necessidade de amar e de ser amados. Olhando-a, seguindo-a docilmente descobrireis a beleza do amor, mas não de um amor “de usar e jogar fora", passageiro, enganoso, prisioneiro de uma mentalidade egoísta e materialista, mas sim do amor verdadeiro e profundo. No mais íntimo do coração de cada rapaz e de cada moça, que se assoma à vida, cultiva o sonho de um amor que dê um sentido pleno ao próprio futuro. Para muitos, isto se cumpre na escolha do casamento e na formação de uma família onde o amor entre um homem e uma mulher seja vivido como um dom recíproco e fiel, como um dom definitivo, selado pelo “sim" pronunciado em frente a Deus no dia do casamento, um “sim" para toda a existência. Sei bem que este sonho é hoje cada vez menos fácil de realizar. Em torno de nós, quantos fracassos do amor. Quantas famílias destruídas. Quantos garotos, também entre vocês, que viram a separação e o divórcio de seus pais. A quem se encontra em uma tão delicada e complexa situação gostaria de dizer nesta tarde: a mãe de Deus, a comunidade cristã e o Papa estão a vosso lado e oram para que a crise que marca as famílias de nosso tempo não se converta num fracasso irreversível. Possam as famílias cristãs, com o apoio da Graça divina, manter-se fiéis àquele solene compromisso de amor assumido com alegria em frente ao sacerdote e à comunidade cristã, no dia solene do casamento".

“Diante destes tantos fracassos é frequente esta pergunta: sou melhor que meus amigos e meus parentes que tentaram e falharam? Por que eu, justo eu, o deveria conseguir onde tantos se rendem? Este medo humano pode bloquear também os espíritos mais valentes, mas nesta noite que nos espera, aos pés de sua Casa Santa, Maria repetirá a cada um de vós, queridos jovens amigos, as palavras que ela mesma escutou o Anjo lhe dirigir: Não temas. Não tenhas medo. O Espírito Santo está convosco e não vos abandona jamais. A quem confia em Deus nada é impossível. Isto vale para quem está destinado à vida matrimonial, e mais ainda, para aqueles a quem Deus propõe uma vida de total desprendimento dos bens da terra para estar a tempo cheio dedicado a seu Reino (...) Queridos jovens, se o Senhor vos chama a viver mais intimamente a seu serviço, respondam generosamente. Estejam seguros: a vida dedicada a Deus não se gasta nunca em vão?".

Durante a noite, alguns tiveram tempo inclusive para dormir. (foto Paola Fumagalli)

“Deus 'olhou a humildade de sua escrava'. A humildade de Maria, explicou o Papa, é o que mais Deus aprecia nela. Não sigais o caminho do orgulho, mas da humildade. Ide contra a corrente, não escuteis as vozes interesseiras e sugestivas que hoje de muitas partes propagam modelos de vida impregnados de arrogância e de violência, de prepotência e de sucesso a qualquer preço, o aparentar e o ter, em detrimento do ser. Não tenham medo, queridos jovens, de preferir os caminhos “alternativos" indicados pelo autêntico amor: um estilo de vida sóbrio e solidário; relações afetivas sinceras e puras; um compromisso honesto no estudo e no trabalho; o interesse profundo pelo bem comum".

“O humilde é visto como alguém que desistiu, um fracassado, um que não tem nada que dizer ao mundo. No entanto esta é a via mestre, não somente porque a humildade é uma grande virtude humana, mas também porque, em primeiro lugar, representa o modo de atuar do próprio Deus. É o caminho escolhido por Cristo, o Mediador da Nova Aliança, o qual, aparecendo em seu porte como homem, se humilhou a si mesmo obediente até a morte e na Cruz".

“Penso em tantos rapazes e moças que estão no catálogo dos santos anônimos, mas não são anônimos para Deus. Para Ele cada pessoa é única, com seu nome e seu rosto. Todos, e vós o sabeis, estamos chamados a sermos santos!".

Um participante na esplanada de Loreto. (foto Emmanuele Magnanimi)

“Queridos rapazes e moças – disse o Papa – em nome de Jesus, com força quero repetir a vós nesta noite: Ide, vivei, amai! – exclamou. Aos olhos de Deus, cada um de vocês é importante. Sois importantes para vossas famílias, para vossos amigos, para vossos educadores, para todos aqueles a quem queirais, para vosso país, para o mundo inteiro, para a Igreja, para Jesus Cristo. Porque não há vida que não seja importante, senti-vos realmente importantes, protagonistas, porque estais no centro do amor de Deus".

“Se olhais para frente descobrireis com felicidade que o futuro está ligado com vossa capacidade de responder ao convite de Cristo a amar sem reservas".

“Em Cristo encontrareis a resposta às perguntas mais íntimas de vosso coração, porque Ele, só Ele, é capaz de vos fazer realmente livres e capazes de amar. Não tendes que temer nada, porque, inclusive quando Ele parece estar mudo diante de vossas perguntas, está perto, e mais, vos pega pela mão".

“Propor Cristo [aos demais] não significa O impor. Ali onde há violência e coerção, não está Cristo. Sede jovens de forte personalidade: isto é o que espera de vocês o Papa; isto é o que esperam de vocês vossos Bispos, vossa famílias e a sociedade atual".

“Agora, Loreto. Dentro de um ano, Sidney... se Deus quiser!

“(...) A partir de agora, queria vos dar, jovens, um direcionamento para Sidney, onde dentro de um ano terá lugar a próxima Jornada Mundial da Juventude. Sei que a Austrália está longe e para os jovens italianos. Oremos para que o Senhor, que cumpre cada prodígio, conceda a muitos de vocês estar ali. Conceda-o a mim, e o conceda a vós. É este um dos tantos sonhos nossos que esta noite rezando juntos confiaremos a Maria".